Atividades

A ideia da união multidisciplinar vem pela importância de proporcionar ao idoso acolhido qualidade de vida, respeitando-o independente de suas deficiências e limitações.
A equipe multidisciplinar dentro das ILPIs busca proporcionar aos idosos residentes um cuidado ampliado, visto que, a saúde é um bem estar físico/mental e social e não apenas a ausência da doença, ou seja, passa-se a ver o ser humano como um todo, um conjunto de necessidades, garantindo-lhe ações e serviços para prevenção, promoção e proteção.
No contexto da equipe multidisciplinar estão inseridos os seguintes profissionais: Médico, Enfermagem, Nutrição, Fisioterapia, Assistência Social, Musicoterapia, Terapia Ocupacional, Educadora Física, técnica em enfermagem e a Cuidadoras.
A equipe está sempre em busca de entender o processo de envelhecimento para determinar as ações que possam atender integralmente as necessidades dos idosos e atendê-los, respeitando os princípios da autonomia, a fim de executar uma assistência com sensibilidade, segurança, maturidade e responsabilidade.

 

   ATENDIMENTO MÉDICO
O atendimento médico tem caráter preventivo e curativo, visando diminuir a incidência de patologias agudas e retardar o avanço das patologias crônicas.

  ENFERMAGEM
Prestar assistência integral, visando à promoção, prevenção, manutenção e reabilitação da saúde dos idosos.

 

   FISIOTERAPIA
O profissional atua junto aos idosos na manutenção e na melhoria de sua capacidade funcional, buscando reduzir as incapacidades e as limitações, promovendo uma maior independência na execução das atividades da vida diária, melhora da auto-estima e conservando o ótimo funcionamento dos sistemas orgânicos, o que condiciona aos idosos uma vivência rica em cuidados que muitos em seus próprios lares não teriam condições de desfrutar, criando assim um diferencial na assistência.

 

   ASSISTENTE SOCIAL

O profissional busca a promoção ao acesso à proteção e aos direitos sociais necessários ao Idoso, fortalecendo os vínculos com a família, a comunidade e o protagonismo social.



   MUSICOTERAPIA
Tem por objetivo utilizar a música como um instrumento terapêutico para a recuperação, manutenção e melhora da saúde psicológica, mental e fisiológica e para habilitação, reabilitação e manutenção das habilidades físicas, comportamentais, sociais e do desenvolvimento.
Os benefícios para idosos são diversos, entre eles: estabelecer canais de comunicação e incentivar a sociabilidade, promover habilidades nas esferas da comunicação e integração no funcionamento e desenvolvimento cognitivo, afetivo, sensorial e motor.

 

   TERAPIA OCUPACIONAL

O atendimento da Terapia Ocupacional tem por objetivo a promoção de relações interpessoais, trabalhar autonomia e independência frente às atividades oferecidas, também atua de forma preventiva devido ao agravamento progressivo dos sintomas comportamentais, visando à otimização da qualidade de vida do residente.

 

  EDUCADORA FÍSICA
Incentivar o desenvolvimento do protagonismo e de capacidade para a realização de atividades da vida diária. Além, de promover a socialização e descontração, as atividades trarão mais benefícios para uma vida ativa, manutenção da capacidade funcional e da autonomia física durante o processo de envelhecimento.

 

  NUTRICIONISTA
Promove o estado nutricional adequado dos idosos. Desenvolve seu trabalho visando à importância de hábitos alimentares saudáveis sobre o perfil
de cada residente baseado em suas patologias e necessidades. Através de avaliação nutricional (peso x altura) observando também o sedentarismo, a obesidade, entre outras condições de morbidade e doenças crônicas como diabete e hipertensão arterial.

 

  CUIDADORA
Cuidar de um idoso não é apenas dar banho, comida e remédios nos horários estipulados. Vai, além disso, é preciso conhecer a fisiologia, os agravos que acometem esse idoso.
Prestar assistência humanizada ao idoso, proporcionando cuidados necessários, onde possam encontrar afeto, conforto e segurança.

 

  ATIVIDADES RELIGIOSAS - Missas e Cultos Ecumênicos, respeitando credo e religião.

 

  ALFABETIZAÇÃO
O programa de alfabetização junto aos idosos institucionalizados tem por objetivo a leitura e a escrita, respeitando a sua diversidade sociocultural, e reconhecimento de suas expressões de educação e cultura popular. Sempre promovendo a integração social, utilizando pintura, jogos pedagógicos, colagens e dobraduras.